Paranaguá

Filho de servidor é acusado de furtar veículo da Secretaria de Saúde

Ultima Atualização: 19.02.2020 às 10:50:58

No último domingo, 16, um veículo da Secretaria Municipal de Saúde de Paranaguá, capotou no canteiro central da rotatória da Avenida Santa Rita com a BR-277, conhecida por Avenida Ayrton Senna da Silva. Segundo informações apuradas pelo JB Litoral, o motorista era Ariel Wesley Bonfanti Cardoso, 23 anos. De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO), o jovem furtou o carro do pátio da Unidade de Saúde Gabriel de Lara e, embriagado, perdeu o controle, ocasionando o acidente.

Ariel foi encaminhado para a delegacia, prestou depoimento e solto nesta segunda-feira, 17, sem fiança. Testemunhas relataram que Ariel Wesley, filho de servidor municipal lotado na Secretaria de Saúde, transitava em alta velocidade e quase atropelou vários pedestres, que passavam pelo local. Após o capotamento, populares tentaram contê-lo, porém o mesmo estava bastante alterado.
 

Resistência e desacato
 

A Polícia Militar encontrou Ariel a duas quadras do local do fato e deu voz de abordagem, porém, o jovem resistiu, sendo necessário um disparo de arma de fogo em direção ao chão para derrubá-lo e algemá-lo. Mesmo sob custódia, Ariel Wesley reagiu e xingou os policiais. Foi acionada a ambulância do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU), pois o rapaz estava com um pequeno corte na perna, supostamente, ocasionado pelo capotamento do veículo, mas alterado e resistente a qualquer tipo de abordagem, ele recusou atendimento.

Durante a ocorrência, a Diretora do Departamento Municipal de Transporte (DMT), compareceu no local e informou que o veículo estava estacionado no pátio do DMT, onde a Guarda Civil Municipal é responsável pela segurança do local.
 

Prisão e alvará de soltura
 

O JB Litoral teve acesso ao processo e constatou que na segunda-feira, 17, às 8h50m, Dr. Fernando Andriolli Pereira, Magistrado de Plantão no Judiciário de Paranaguá, decretou a prisão do jovem por furto, artigo 155, resistência artigo 329 e desacato, artigo 331, todos do Código Penal Brasileiro. Porém, na mesma data, às 18h41m, a Dra. Priscila Soares Crocetti, Magistrada da 1ª Vara Criminal de Paranaguá, expediu o alvará de soltura, concedendo sua liberdade provisória sem fiança.

A reportagem recebeu a informação de que ainda há um mandado de prisão em aberto em nome de Ariel Wesley Bonfanti Cardoso, sendo assim o jovem pode ser preso a qualquer momento.
 

BO e o que diz a prefeitura
 

Após o ocorrido, o JB Litoral solicitou a Secretaria de Comunicação Social (Secom) da prefeitura, informações sobre esta situação. A Secretaria de Saúde, por meio de Secom, emitiu nota a respeito do caso. “A Secretaria Municipal de Saúde informa que o veículo foi furtado do pátio da Unidade de Saúde da Gabriel de Lara. Foi confeccionado Boletim de Ocorrência e todas as providências administrativas cabíveis já estão sendo tomadas. O acusado foi detido em flagrante e a situação do furto está sob os cuidados das autoridades policiais”.

Porém, a reportagem apurou não haver registro de furto ou roubo do veículo no dia da ocorrência e o mesmo se encontra no pátio da delegacia da 1ª Subdivisão da Polícia Civil de Paranaguá.


Comentários